27 de novembro – Dia Nacional de Combate ao Câncer

Publicado por

Criado em 1988 pelo Ministério da Saúde, o Dia Nacional de Combate ao Câncer visa a conscientizar a população brasileira sobre a doença, suas variações, formas de tratamento e de prevenção.

A doença que mais mata no Brasil é lembrada todo dia 27 de novembro. Esta data serve para educar a população sobre a importância do diagnóstico precoce do câncer.

Segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde), cerca de 30% das mortes provocadas pelo câncer poderiam ter sido evitadas se tivessem sido diagnosticadas precocemente.

No Brasil, o INCA (Instituto Nacional do Câncer) é o órgão responsável por desenvolver ações e programas voltados para a prevenção e o combate ao câncer no país.

Essas ações vão desde a prestação de assistência médico-hospitalar de forma gratuita aos portadores da doença até desenvolvimento de pesquisas sobre a neoplasia. O INCA age em parceria com o Ministério da Saúde.

O que é câncer?

O câncer é uma neoplasia maligna caracterizada pelo crescimento anormal e descontrolado de um determinado tecido do corpo.

Atualmente o termo abrange mais de 100 doenças que provocam o crescimento desordenado e descontrolado das células, que invadem tecidos e órgãos e formam tumores malignos.

As células cancerígenas também podem se espalhar para outras áreas do corpo, em um processo chamado metástase.

A maioria dos tipos de câncer metastático não tem cura e levam o paciente a óbito. Entendeu o porquê da importância de um diagnóstico precoce do câncer?

Quais são os tipos de câncer mais comuns no Brasil?

O que define o tipo de câncer é o tipo de célula afetada e a velocidade de multiplicação das mesmas pelo organismo. Segundo o INCA, os tipos de câncer que mais comuns no Brasil são:

  • Câncer de pele: A exposição ao sol de forma desprotegida é apontada como principal causa desse tipo de câncer.

 

  • Câncer de pulmão: O tabagismo é o principal causador deste tipo de câncer. É o principal responsável pela morte de milhares de brasileiros do sexo masculino.

 

  • Câncer de próstata: Geralmente provocado pelo envelhecimento e pela falta de um diagnóstico precoce, é o segundo tipo de câncer que mais mata homens com mais de 65 anos.

 

  • Câncer de mama: Um dos tipos de câncer que mais mata as mulheres brasileiras, geralmente está ligado ao fator hereditário e a exposição frequente a radiações ionizantes (raixos-x).

 

  • Câncer de colo de útero: Um tipo de câncer que pode ser diagnosticado precocemente através do exame preventivo Papanicolau.

 

  • Câncer de estômago: Este é um tipo de câncer que na maioria dos casos está relacionado com hábitos de vida poucos saudáveis, como a ingestão de bebidas alcoólicas e má alimentação.

Principais campanhas de combate ao câncer no Brasil:

#Dia Nacional de combate ao câncer infantil: 23 de novembro.

#Novembro Azul: Mês destinado a conscientizar a população brasileira acerca de doenças masculinas, em especial para o diagnóstico precoce e prevenção do câncer de próstata.

#Outubro Rosa: Mês voltado para a conscientização feminina sobre a importância de realizar exames preventivos para o combate ao câncer de mama.

Tratamento para o câncer:

Os tratamentos para o câncer são prescritos conforme o tipo da doença e a velocidade de reprodução da mesma sobre o organismo.

Geralmente o tratamento para o câncer envolve a cirurgia para a retirada do tumor maligno, quimioterapia e radioterapia.

É importante frisar que todas as formas de tratamento estão disponíveis pelo SUS (Sistema Único de Saúde).

É possível prevenir o câncer?

Quando os casos de câncer estão relacionados a fatores hereditários, infelizmente não tem como prevenir a doença, somente trata-la.

Contudo, estudos comprovam que são raros os casos de câncer ligados à hereditariedade, a maioria é causada por maus hábitos, como consumo de bebida alcoólica, tabagismo e sedentarismo.

A seguir, listamos algumas dicas que ajudam a prevenir o surgimento do câncer:

1) Não fume:

O cigarro possui mais de 4.700 substâncias tóxicas e cancerígenas, que além de serem extremamente prejudiciais ao fumante, são liberadas no ar e inaladas também por não fumantes.

2) Mude os hábitos alimentares:

Comer mais legumes, frutas, verduras e carnes isentas de gordura também é uma excelente forma de se prevenir contra a doença. Grãos e cereais integrais também são ótimos aliados no combate ao câncer, juntamente com leite e ovos.

Evite ingerir alimentos fritos e industrializados, que contêm alta concentração de conservantes e sódio.

3) Pratique atividades físicas:

Manter o corpo em movimento contribui para melhorar a atividade celular, mantém o peso em dia e minimiza os riscos de desenvolver câncer.

4) Cuide do peso:

Estudos comprovam que estar acima do peso é um fator de risco para o surgimento do câncer, além de várias outras doenças.

Você pode controlar o peso corporal através da prática regular de exercícios físicos e de alimentação equilibrada.

5) Realize os exames preventivos anualmente:

Mulheres com idade entre 25 e 64 anos devem realizar o exame Papanicolau 1 vez ao ano. Dos 40 aos 50 anos, as mulheres também devem se submeter à mamografia anualmente.

Entre 50 e 69 anos, a mamografia é realizada nas mulheres com o intervalo de dois em dois anos e acima dos 70, somente conforme indicação médica.

Homens devem realizar o exame de prevenção do câncer de próstata anualmente a partir dos 50 anos. Quando há casos da doença na família, a recomendação diminui para 45 anos.

Os exames PSA e toque retal estão disponíveis no SUS e ajudam a diagnosticar precocemente uma doença que mata mais de 14 mil homens todo ano.

6) Não beba:

Evite tomar bebidas alcoólicas, pois, quando ingeridas em excesso, elas podem provocar câncer de boca, esôfago e estômago.

7) Exame de sangue oculto:

Homens e mulheres com mais de 50 anos devem realizar anualmente o exame de sangue oculto nas fezes.

8) Não se exponha ao sol fora dos horários permitidos:

Evite banhos de sol entre as 10h da manhã e as 4h da tarde. Sempre que for sair em dias ensolarados, use protetor solar e chapéu.

9) Consulte um dentista regularmente:

Cuidar da higiene oral (da boca e dos dentes) também é uma forma de prevenir o câncer.

O idoso e o câncer:

O envelhecimento natural torna o organismo dos idosos mais suscetíveis a desenvolverem neoplasias porque com o avançar da idade, as células perdem a capacidade de recuperação.

Por esse motivo, 70% dos casos de câncer acontecem durante a terceira idade, ou seja, depois dos 60 anos.

Mas, mesmo que a idade avançada seja um fator de risco para o desenvolvimento do câncer, suas causas costumam ser as mesmas do que as apontadas nos demais grupos de pessoas, como tabagismo, consumo de bebidas alcoólicas, má alimentação e exposição ao sol.

Só uma mudança no estilo de vida pode combater o câncer com eficácia. E você, o que tem feito pela sua saúde?

 

Fonte: Fundação do Câncer e INCA

Deixe uma resposta