alimentos que combatem o envelhecimento precoce

5 alimentos que combatem o envelhecimento precoce

Publicado por

Uma coisa é fato: a maioria de nós vai envelhecer. Contudo, é possível chegar à terceira idade com uma aparência muito melhor. Para que isso aconteça, é necessário investir em uma alimentação rica em antioxidantes naturais, que além de combaterem o envelhecimento precoce, também previnem uma série de outras doenças.

O envelhecimento precoce acontece quando existe um processo acelerado da oxidação celular, causado pelos radicais livres. Essas substâncias são formadas diariamente no organismo do indivíduo, resultantes de processos metabólicos como na respiração, por exemplo. Quando em níveis normais, não são prejudiciais, mas, quando em excesso, elas podem se tornar tóxicas e acelerar a idade biológica da pessoa.

Isso porque no processo oxidativo avançado, há a diminuição da produção de colágeno, das fibras elásticas e da renovação celular. Isso deixa a pele mais flácida, favorece o surgimento de linhas de expressão, manchas e rugas. Assim, a pessoa acaba aparentando ter mais idade do que realmente tem. Além disso, o processo oxidativo crônico também pode causar doenças como hipertensão, Alzheimer e Parkinson.

Quais são as causas do envelhecimento precoce?

Vários fatores podem contribuir para o aumento dos radicais livres no organismo, que são as substâncias responsáveis pela oxidação celular. Entre elas, podemos mencionar a genética. Contudo, essa não é a única causa do envelhecimento precoce. Veja a seguir algumas, que dizem respeito aos maus hábitos e que podemos mudar, se quisermos chegar aos 60 anos com boa saúde e aparência mais jovem:

  • Alimentação desequilibrada;
  • Fumo;
  • Álcool;
  • Sedentarismo;
  • Estresse;
  • Noites de sono mal dormidas.

Como retardar o envelhecimento celular através da alimentação?

O primeiro passo para combater o envelhecimento precoce é adotar uma alimentação rica em alimentos antioxidantes, composta por frutas, legumes, hortaliças e grãos integrais. Esses alimentos ajudam a proteger as células e fortalecer o sistema imunológico do organismo, evitando assim, uma série de doenças decorrentes do processo de oxidação celular.

É fato que todos os alimentos desempenham um importante papel nas funções do nosso organismo. Entretanto, existem aqueles que quando ingeridos corretamente, contribuem diretamente para garantir a nossa longevidade. Isso acontece porque alguns alimentos atuam especificamente na proteção dos ossos, formação dos músculos, melhoria das atividades cardíacas e combate às infecções.

5 alimentos que combatem o envelhecimento precoce

1) Cenoura

A cenoura é um alimento rico em betacaroteno. Essa é uma potente substância antioxidante que além de proteger a pele contra o ressecamento e contra os danos causados pelos raios ultravioletas, também protege a visão, evitando doenças como cegueira noturna.

Além disso, a cenoura também possui vitaminas A, C, K, B2 e B3, além de minerais importantes para o fortalecimento ósseo-muscular, como potássio, fósforo, cálcio e sódio. Ainda, a cenoura possui fibras em sua composição e possui baixo teor calórico.

2) Castanha-do-Pará

Rica em selênio, a castanha-do-pará também contribui para evitar o envelhecimento precoce do organismo. Para quem não sabe, o selênio é um mineral que contém propriedades antioxidantes que atuam diretamente sobre a pele, mantendo sua elasticidade natural.

Além disso, o selênio também regula a função da glândula tireoide, além de melhorar o humor do indivíduo. E como diz a expressão popular, quem vive sisudo, envelhece mais cedo. Saiba como lidar com um idoso ranzinza clicando aqui.

3) Frutas vermelhas

As frutas vermelhas (morango, cereja, maçã, framboesa e amora) são fontes de flavonoides, que são polifenóis com propriedades anti-inflamatórias e antioxidantes. Entre as principais funções dos polifenóis no organismo podemos destacar a de reduzir o colesterol ruim (LDL) e de aumentar o colesterol bom (HDL).

Assim, ao inserir alguma dessas frutas vermelhas em seu cardápio diário, você está contribuindo não somente para uma alimentação mais saudável, mas também para que doenças cardiovasculares sejam evitadas. Isso acontece porque os flavonoides presentes nessas frutas reduzem a aglomeração de placas de gordura e colesterol no sangue, aumentando assim, a fluidez da corrente sanguínea. Dessa forma, doenças como hipertensão arterial e AVC podem ser evitadas.

4) Sementes de linhaça

Inúmeros são os benefícios da semente de linhaça para o organismo, entre eles o retardo do envelhecimento celular. Além de serem ricas em fibras e proteínas, as sementes de linhaça também são fontes de ômega 3, uma substância com propriedades antioxidantes e anti-inflamatória, capaz de manter a pele hidratada e firme por mais tempo.

Além de mantê-lo (la) com uma aparência mais jovial na terceira idade, o ômega 3 também contribui para a saúde mental e cardiovascular. Considerada uma gordura poli-insaturada e fonte de ácidos graxos essenciais, o ômega 3 também ajuda a regular a pressão arterial, diminuir o colesterol, combater a depressão e ainda ajuda a aliviar os sintomas da artrite e artrose no organismo.

5) Kiwi

Essa frutinha exótica é rica em potássio, um mineral que atua na proteção dos músculos e ossos. Além disso, o Kiwi também é rico em vitamina C, uma substância com propriedades antioxidantes capazes de neutralizar os radicais livres, substâncias que causam o envelhecimento precoce.

A vitamina C presente em grande quantidade no Kiwi também está associada ao fortalecimento imunológico do organismo. Estudos também sugerem que quem consome alimentos ricos em vitamina C correm menos riscos de terem perda de visão na terceira idade. Ainda, o Kiwi possui magnésio e fibras em sua composição, o que contribui para o bom funcionamento dos músculos e do intestino.

Existem outras formas de combater o envelhecimento precoce?

É claro que sim, principalmente se estiverem aliadas a uma dieta rica em alimentos antioxidantes. Cabe ressaltar que tirando o fator genético (aquele sobre qual não temos controle), todas as outras formas de combater o envelhecimento precoce são decorrentes da mudança de hábitos. Veja alguma delas:

  • Dormir pelo menos 8 horas por dia;
  • Praticar regularmente exercícios físicos;
  • Evitar bebidas alcoólicas;
  • Abandonar o tabagismo;
  • Proteger a pele do sol;
  • Beber pelo menos 2 litros de água por dia;
  • Controlar o estresse;
  • Sorrir mais durante o dia.

É claro que a lista de alimentos que combatem o envelhecimento precoce é bem extensa. Neste artigo procuramos reunir os principais, para que você comece aos poucos a introduzir esses alimentos ao seu cardápio diário. Posteriormente faremos outro artigo, com outros alimentos capazes de retardar os efeitos do envelhecimento, para que você chegue à terceira idade com uma aparência jovem e saudável.

E você, o que achou desse artigo? Se ele foi útil para você, então que tal o compartilhar em suas redes sociais? Mas não se esqueça de nos contar nos comentários qual é a sua receita para evitar o envelhecimento precoce, ok?

Fonte: Scielo

2 comentários

Deixe uma resposta